Poder, uma aproximação

No contexto em que vivemos, cada vez mais fico convencido de que o que li, há pelo menos vinte anos, não se encontra dissociado da realidade. Galbraith desenvolveu a tese de que há três fontes de poder e três modos de exercício do mesmo, havendo uma interpenetração entre fontes e exercícios, ou seja uma intercambialidade que favorece o uso do poder.

Cada vez que observo grupos humanos sofrendo os impactos das guerras, sendo deslocados como coisas daqui para lá e de lá para acolá, formando novos contingentes de degradados, perdendo suas honras e dignidades, seus empregos e a vida de seus parentes  por estupidezas de mercado, de guerras étnicas/religiosas e outros fatores nojentos me lembro do que escreveu Galbraith.

Cada vez que penso em editoriais vendidos como imprensa séria, ou vejo gente defendendo black bocs ou canalhices veiculadas pelos ancoras em noticiários, me vem à mente o exercício espúrio do poder. Cada vez que vejo pessoas imbecis se afundando cada vez mais em sua moralidade imunda, me recordo do que li.

A lista é enorme, mas a paciência nem tanto. Finalmente, Galbraith entende que poder é a capacidade/habilidade de fazer com que terceiros se submetam aos nossos propósitos. Nada mais simples, nada tão terrível.

Submissão e Poder

Fontes do poder

1 – Personalidade (liderança) que dá acesso aos instumentos de poder associado ao poder condicionado (aptidão em persuadir ou gerar crenças)

2 – Propriedade ou riqueza confere aspecto de autoridade e é associado ao poder compensatório (comprar submissão) e, em segundo lugar, ao poder condicionado.

3 – Organização é mais importante nas sociedades modernas e ligada ao poder condicionado; daí provêm a persuasão e submissão aos seus propósitos, podendo igualmente acessar o poder condigno via estatal.

Instrumentos para o exercício do poder

1 – Poder condigno (punição) Obtém a submissão infligindo consequências adversas ao submisso, que podem variar desde uma admoestação até o castigo físico propriamente dito.

2 – Poder compensatório conquista a submissão oferecendo recompensas positivas.

3 – Poder condicionado A submissão é obtida através da mudança de uma convicção, de uma crença (persuasão, compromisso social ou educação a algo que parece natural, apropriado ou correto)

HILTON BESNOS

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s