Luiza, a do Magazine, dá um show em Mainardi: “bolha” é ele …

FONTE TIJOLAÇO

Luiza, a do Magazine, dá um show em Mainardi: “bolha” é ele…

Luiza, a do Magazine, dá um show em Mainardi: “bolha” é ele…

20 de janeiro de 2014 | 21:02 Autor: Fernando Brito

luiza

A empresária Luiza Trajano, dona do Magazine Luiza, com aquele seu ar de tia que veio do cabeleireiro, deu um “sabão” histórico no pretensioso Diogo Veja Mainardi no programa Manhattan Connection.

Aliás, nele e em Caio Blinder também.

Desmontou a história da crise no varejo, na inadimplência, do “acabou a bolha”.

“Como acabou a bolha? Bolha são vinte e três milhões de pessoas que moram com o sogro, com a sogra…”

Luiza não faz caras e bocas a la Miriam Leitão e estuda economia na frente da registradora e do balcão.

Embora seja uma das mais antigas praticantes do e-commerce  – desde os anos 90 – sua loja não teve dúvida em desativar o site por um dia e promover um “rolezão” de compras em toda a rede, com o maior sucesso.

Enquanto isso, o Mainardi fica deslumbrado com o “drone”  de entregas da Amazon.

Bem se vê que o país dele é por lá.

Assista o vídeo sensacional, sugestão do Daniel

COMENTÁRIOS:

HILTON BESNOS.

Assisti ao video acima, são quase vinte minutos em que Luiza Trajano, proprietária do Magazine Luiza, com base em números, faz uma adequada contestação aos críticos do apocalipse do Manhattan Conection, que ficam em posição desconfortável, pois a realidade demonstrada pela mesma nada tem a ver com as proposições catastróficas, especialmente de Mainardi, a respeito de uma nova e fabricada – pelos mesmos jornalistas – crise no varejo brasileiro.

Trajano afirma que não e demonstra com dados sólidos o que diz. Após ver o vídeo, resolvi postá-lo aqui no GRIOT BALALAIKA, pela sua importância.  Qual não foi minha surpresa quando observei que a Rede Globo requereu ao You Tube a retirada do mesmo, alegando o que adiante segue:

“Luiza Trajano, do Magazine …” Este vídeo não está mais disponível devido à reivindicação de direitos autorais Organizações Globo.

Desculpe.
Esse é o sentido democrático do Jornalismo Globo, que simplesmente não admite ser contestado. Quem nasceu na ditadura e por conta dela, realmente tem um DNA bastante comprometido.
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s